O que responder quando te perguntam ‘QUAL A SUA MAIOR FRAQUEZA?’

fraquezaEntão chega o momento da entrevista de emprego no qual você precisa enfrentar aquela pergunta: “Qual a sua maior fraqueza?”. Você sabe bem quais são elas, mas a resposta pode não sair tão bem formulada da cabeça quando o que está em jogo é convencer o empregador de que você é a pessoa mais capacitada para assumir a posição oferecida.

Quando perguntas desse tipo surgem, o que o entrevistador está tentando fazer, além de descobrir eventuais sinais vermelhos, é avaliar sua autoconsciência e honestidade. Isso significa que “eu não cumpro os prazos” não é uma boa resposta, mas é melhor do que “Sou perfeito e não tenho fraquezas!”.

Dentro das possibilidades da sinceridade, uma boa resposta pode mostrar que você é uma pessoa que consegue superar desafios, é comprometido com o que faz e busca sempre se aprimorar na área. Pensando nisso, o site norteamericano especializado em carreira The Daily Muse, levantou três estratégias para garantir que fraqueza não será, com perdão do trocadilho, seu ponto fraco na próxima entrevista de emprego. Veja abaixo:

(Opção 1) Mostre como você superou uma situação difícil
Todo mundo têm pontos sobre os quais precisa trabalhar melhor. Se você conseguir descrever ao seu entrevistador como você faz para melhorar os seus, vai parecer uma pessoa forte e profissionalmente capaz de enfrentar desafios. O segredo então é pensar em algo que você não é bom, mas que se esforçou para melhorar. Você pode explicar, por exemplo, que nunca foi bom para falar em público, mas que nos últimos anos você conduziu reuniões e fez cursos que te deixaram mais confortáveis com a ideia.

(Opção 2) Combata as deficiências de seu currículo
Se você notar que seu currículo pode não ser suficiente para preencher os requisitos da vaga de trabalho ou que o empregador ficou em dúvida sobre sua experiência profissional, a questão sobre fraqueza pode ser um ótimo momento para você resolver a situação. Você pode falar sobre algo que você sabe que é um obstáculo e voltar a destacar seus pontos fortes. Por exemplo: “Sim, eu não tenho nenhuma experiência em vendas, mas as habilidades que desenvolvi durante meu emprego anterior são muito relevantes para a posição. Deixe-me contar o porquê.”

(Opção 3) Inverta a situação
Note, mentir nunca é um bom jeito de começar uma relação profissional, por isso, qualquer inverdade está completamente fora de questão. Porém, com a escolha de palavras certas, você pode transformar características ruins em coisas que normalmente são vistas como qualidade profissional. Em vez de dizer, por exemplo, que você é neurótico, teimoso ou incapaz de delegar, diga coisas como: dedicado, persistente e cuidadoso.

 

Fonte: Época – Negócios


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s